25 minutos para mudar a sua vida! Descubra como aumentar a sua produtividade com o Método Pomodoro


Na semana passada, alguém me perguntou: Rafa, qual foi a coisa mais importante que você aprendeu esse ano?


Eu tiver que pensar um pouco para responder…


Mas concluí que, umas das coisas que eu aprendi ese ano que mais me acrescentou, o foi o método pomodoro. Esse método consiste na aplicação de uma técnica de produtividade inventada no final dos anos 80 pelo italiano o Francesco Cirillo para aumentar a sua concentração nos estudos. Para isso ele usava um timer de cozinha em formato de tomate (pomodoro em italiano) e marcava 25 minutos, emitindo um barulho forte ao final desse período. Durante esses 25 minutos ele estudava 100% focado, e então fazia uma pausa de 5 minutos.


Parece muito simples, não é? E de fato o método pomodoro é muito simples e é exatamente por isso que funciona! A nossa mente tem a mania de complicar as coisas mais do que o necessário. Ficamos procurando técnicas super elaboradas, quando o que funciona muitas vezes ainda é o básico.


Eu já testei e apliquei


Eu já testei, apliquei e senti claramente os benefícios da técnica e posso afirmar com 100% de certeza de que ela é muito útil para melhorar a produtividade e a execução de tarefas.


Imagine você em um dia normal de trabalho. Ou ainda melhor, imagine você em um dia em que está cansado e tem documentos para redigir, matérias a estudar ou planilhas a analisar.


Ajuda a diminuir a ansiedade e procrastinação


Só de pensar em fazer aquilo por horas e horas parece exaustivo, não é? E o que você acha que o seu cérebro, guiado pelo princípio básico de evitar dor/buscar prazer faz então? Isso mesmo, ele te afasta daquilo, ou seja, você procrastina. Agora, e se você fizer aquilo apenas durante 25 minutos? Parece uma coisa bem razoável, não é? O seu cérebro fica tranquilo com aquilo. “Ora, só 25 minutos, acho que não vamos nos cansar demais”- pondera ele. Essa é uma excelente forma de “enganar” e educar o seu cérebro a focar melhor.




Além de reduzir as interrupções


Se você parar para contar quantas vezes você se interrompe durante um período de 25 minutos, ficaria assutado. Uma pesquisa mostrou que interrompemos o nosso trabalho a cada 3 minutos! E que a maioria das interrupções são iniciadas por nós mesmos. O pior de tudo, é que , quando vamos tentar retomar a concentração, perdemos o maior tempo, pois nossa mente não consegue alternar assim com tanta facilidade quanto a gente pensa entre um atividade e outra. É por isso que às vezes nos sentimos exaustos, mesmo tendo produzido tão pouco .



E “ enganar” o cérebro


Pois bem, o que você pensa que é mais fácil, dizer ao seu cérebro :

“ vamos ficar aqui concentrados indefinidamente até fazer essa tonelada de tarefas” ou ‘vamos nos concentrar com toda a nossa atenção por 25 minutos, são apenas 25 minutos e depois paramos para descansar”?


Além disso, existe um outro fator muito importante. Existe em nosso cérebro um circuito do prazer e recompensa que é estimulado pela liberação de dopamina. Isso acontece quando comemos algo de que gostamos, ou fazemos alguma atividade que nos dá prazer, por exemplo. E esse aumento de dopamina é um dos mecanismos relacionados ao vício em drogas, por exemplo. Mas a verdade, é que, seja qual for a forma de obtenção somos todos viciados em dopamina. O nosso cérebro está sempre procurando oportunidades para se inundar nela, seja procrastinando uma tarefa para ficar olhando feed de redes sociais, seja comendo um belo de um docinho .


Traz a recompensa ao momento presente


Se você oferecer ao macaco um cacho de bananas ou um milhão de dólares, adivinha o que ele vai escolher? As bananas. Pois sua mente funciona mais ou menos da mesma forma. Não acredita? Então se lembra quantas vezes você sacrificou um objetivo muito importante de médio- longo prazo para atender uma vontade imediata? Porque mesmo querendo emagrecer para ter mais saúde e aumentar a auto-estima, muitas pessoas não param de se encher de doces e frituras? Porque nosso cérebro não entende nada sobre recompensas a longo prazo. Ele quer ter prazer agora, quer ter dopamina AGORA.



E o que tem o método pomodoro a ver com isso? Pois bem, ao concluir um ciclo de 25 minutos e soar o alarme te indicando que já é hora de descansar, é o seu cérebro entende: muito bem, você conseguiu! Agora merece descansar um pouco. E você se enche de dopamina e prazer por ter concluído algo, mesmo que tenha sido somente um ciclo focado de 25 minutos. E o que você acha que o seu cérebro faz quando você fica feliz? Vai buscar mais daquilo! E isso vai gerando um reforço produtivo, ensinando o seu cérebro a ter prazer na produtividade e na gestão de tarefas. E o melhor, é que você já tem tudo o que precisa para aplicar essa técnica super simples aqui e agora, só começar.



Você vai precisar de:


  • Timer ou cronômetro para medir o tempo e fazer a contagem regressiva


Esse timer pode inclusive ser online. Existem vários aplicativos e sites na internet que se baseiam no método pomodoro. Você pode usar o cronômetro do seu celular também, se preferir.


Eu particularmente, gosto de usar o aplicativo “forest” porque ele tem uma certa gamificação em que você planta uma arvorezinha em seu jardim a cada ciclo de concentração. Os ciclos dele não são necessariamente programados para 25 minutos, mas você pode ajustar para o tempo que quiser. Ele também tem uma função interessante que é o modo “foco total”, em que, se você sair do app durante o ciclo de concentração, sua arvorezinha morre, então ajuda quem tem dificuldade de se desligar um pouco do celular. O app é pago e custa 10,90, pago apenas uma vez. Vale muito à pena.


Uso também um site que é o https://pomofocus.io/. É super simples, basicamente um cronômetro + alarme, já setado com os 25 min foco e os 5 min de descanso. E é 100% gratuito


Existem inúmeros outros, só buscar na loja de aplicativos do seu celular ou no google e você vai achar várias opções


  • Papel e caneta


Na realidade, não é 100% obrigatório, mas é interessante para anotar conclusões, dados importantes sobre a tarefa e até mesmo pensamentos importantes que tenham vindo à sua mente na hora, que não necessariamente estão relacionados à tarefa, mas você precisa lembrar depois.


  • Lista de afazeres


É interessante também ter uma lista de afazeres , que você possa ir riscando à medida que vá concluindo. Isso é interessante porque com o tempo, você começa a poder estimar, cada vez com maior precisão, de quantos pomodoros você precisa para concluir aquele tipo de tarefa, o que torna as coisas mais alcançáveis, aumentando seus níveis de motivação, além de ajudar na gestão de tempo. Afinal, para gastar melhor o seu tempo (assim como o dinheiro) é importante você saber no que você está investindo ele e em que quantidade



Como fazer:


1 ) Certifique-se antes de ter a mão tudo o que você precisa para executar a tarefa desejada. Lembre-se que o objetivo é evitar ao máximo de distrações e interrupções.


2) Coloque um timer de 25 minutos


3) Descanse por 5 minutos


4) Repita até completar 4 pomodoros


5) Ao final de 4 pomodoros, ou seja, 4 ciclos de 25 minutos, dê uma pausa mais longa (entre 15 a 30 minutos)


Observação importantes:


Durante o pomodoro, não permita que nada te interrompa. Diga a si mesmo : são só 25 minutos para alcançar todos os meus objetivos, 25 minutos para dominar o mundo”. E veja o poder que isso tem.


Você ficará surpreso em saber tudo que se pode fazer em 25 minutos de atenção focada.


Depois volta para me contar os resultados!


Gostou? Curte e compartilha com os amigos, se você acha que este conteúdo pode ajudar outras pessoas! ❤️😀

141 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo